Categorias
Business intelligence tecnologia Transformação Digital

52% dos brasileiros sentem falta de ir aos shoppings e outros dados sobre o consumidor brasileiro

De acordo com estudo publicado 52% dos brasileiros pesquisados está com saudade de passear pelos corredores do shopping, mesmo que não tenham o objetivo de comprar nada, queremos circular por um dos ambientes mais queridos em território nacional.

A relação do brasileiro com o shopping vai além de sua função, gostamos dos cheiros, paisagens e sons que ele nos proporciona. Sempre encontrávamos desculpas para passar mais um tempinho naquele universo brilhante, fosse para buscar aquele vestido perfeito para o evento do ano, circular por uma livraria em busca de um romance emocionante, ou até para fazer aquele lanchinho antes de chegar em casa. Mas como ficamos agora? Como fica a nossa relação? Se não podemos sair de casa, como vamos aproveitar toda a alegria que os shoppings nos trazia?

Para responder essas perguntas a Zygon, em parceria com a Deepdive, compilou em um Dashboard as principais reações e movimentos  que o segmento apresentou após meses em contato com uma pandemia.  Com pesquisas da McKinsey, WGSN, Deepdive|IBOPE e Opinion Box conseguimos passear nos corredores dos anseios e preocupações do consumidor, visitar os resultados e opiniões dos principais segmentos além de visualizar as próximas tendências dentro do setor.

Quer saber mais? Visite o nosso radar!

Categorias
Jornada do consumidor Marketing Digital tecnologia

Zygon realiza talks sobre jornada do consumidor e transformação digital do varejo

Há anos os Shopping Centers pensam em transformar, saindo da zona de conforto e dos limites do seu próprio terreno, para chamar a atenção dos consumidores em outros momentos da jornada de compra. 

Entender que a jornada começa muito antes de entrar no estacionamento do centro comercial foi o primeiro desafio. Perceber que para atrair atenção em tantas distrações é preciso ser relevante. A falta de informações sobre os clientes é maior. É preciso uma verdadeira revolução para redirecionar esse “transatlântico”… 

Vamos conversar sobre como os Shopping Centers pretendem participar da disputa pela audiência on-line, visto até pouco tempo para “correr em casa”, e entender o papel da pandemia nessa estratégia.

Data 01/07/2020, 15h

Participantes

Diego Marcondes

Chefe de Marketing da Ancar Ivanhoe. Já passou pela liderança de Marketing de vários Shoppings desde 2009. Com mais de 17 anos de experiência em marketing, vendas e administração, atualmente lidera projetos de transformação digital para empresas.

Laureane Cavalcanti

Ocupou posições de liderança em grandes corporações, conduzindo projetos de cultura e responsabilidade corporativa, transformação digital e e-commerce. Foi Diretora Executiva de Marketing e Comunicação e Diretora de Inovação em uma das principais administradoras de shopping centers do Brasil e da Europa.

Moderador 

Lucas Reis

Lucas Reis é CEO da Zygon AdTech & Data Solutions, PhD em Comunicação Social (UFBA)

INSCREVA-SE: https://zygon.digital/zygon-talks/

Categorias
Ztalk

A importância dos dados na inteligência empresarial

No dia 17 de junho, promovemos uma live sobre a importância dos dados para as empresas e o lugar de destaque que ocupam no planejamento das estratégias. Contamos com a presença de figuras importantes como Rafael Cavalcante, Superintendente Executivo e Head de Data Science do Bradesco, e André Piotto, Engineering Software da Tableau, líder mundial de software para visualização de dados.

Na live ficou evidente que o dado se tornou um componente imprescindível para as tomadas de decisões e que cada vez mais os negócios buscam fortalecer sua base analítica.

Com isso destaco os cinco principais pontos tratados:

  1. Democratização dos dados, empoderar pessoas para usá-los e tomar melhores decisões. 
  2. Cultura de inovação. 
  3. Ciclo dos dados: coleta, preparação, limpeza, visualização e análise preditiva de dados.
  4. A importância de ser um profissional analítico. 
  5. Aplicação da ciência de dados para o marketing com foco na jornada do cliente.

Evidentemente a capacidade analítica, tomou proporções antes não imaginada. “Nunca vi tantas pessoas olhando para os dados neste momento e a tendência é isso se tornar cada vez mais comum” afirma Rafael Cavalcante

Num determinado momento da live André Pioto comenta que dado é o novo oxigênio e nesse mesmo ponto complementa que a Tableau busca incentivar cada vez mais o acesso de pessoas a visualização e manipulação de dados, de maneira simples. A intenção é empoderar o usuário final e incentivar uma cultura data-drive.

Por fim a live contou com um overview completo sobre a proporção que os dados vêm tomando no dia a dia das corporações, como eles nos auxiliam de forma preditiva nas tomadas de decisões e o cuidado que devemos ter com a proteção dos mesmos.

Categorias
Marketing Digital Transformação Digital Ztalk

LIVE – Marketing Digital para Educação: veja os pontos mais importantes.

No dia 05 de junho, promovemos uma live sobre transformação digital aplicada ao setor educacional. Trouxemos para o Ztalks participantes que atuam em dois dos maiores grupos do setor, como a Elizabeth Freitas da Ânima Educação e o Bruno Moura do grupo Ser Educacional.

A live conta com um overview completo sobre a Transformação Digital acelerada por conta da pandemia e da necessidade de oferecer serviços remotamente. 

Destaque a assuntos como:

  • A transformação digital, o raio X completo da realidade vivida pelas instituições.
  • A abordagens de aspectos macro como tecnologia, infraestrutura e desigualdade da educação. 
  • Os desafios culturais enfrentados pelos usuários.
  • Temas como LGPD no meio educacional.
  • A importância de uma visão unificada e horizontal dos setores para a transformação digital.

Também aprofundamos em conceitos como entendimento do que é uma educação em plataformas digitais. Mais do que EAD, a educação está se aprimorando, integrando plataformas inovadoras, para coordenar o trabalho individual e coletivo, de professores e alunos, com atividades síncronas, aquela que acontece remotamente onde o aluno precisa esta presente no momentos que a aula começa. E e assíncronas, aquela que a aula é gravada e disponibilizada para ser vista em a qualquer momento. Ambas respeitam fluxos e processos, com cronogramas pré-aula, aula e pós-aula. 

Na live Elizabeth Freitas comenta que o  maior esforço é transformar cursos presenciais em cursos digitais, com conteúdos na nuvem, novos processos para o ambiente educacional digital e remoto, treinamento de professores, infraestrutura de acesso (banda, computadores etc), um trabalho gigante e multidisciplinar que integrou squads acadêmicos e as comunidades no raio de influência das instituições de ensino.

Todos concordaram  que o comportamento das pessoas tem mudado e seguirá mudando na busca de uma nova normalidade. Isso faz com que os modelos de análise de dados, referenciados em históricos, precisem ser revistos e aperfeiçoados, com mais agilidade e em janelas mais curtas de coleta de dados. Tudo isso, sem esquecer que estamos falando de comportamento e, consequentemente, de pessoas. Então o desafio é estudar dados para entender e servir pessoas.

Por fim, as instituições enfrentam uma questão de mindset cultual e apesar dos desafios, às instituições, alunos e colaboradores continuam se adaptando e transformando a realidade. Detalhes e problemas técnicos não parecem ter parado a força que tem a educação.

Categorias
Analytics Business intelligence

Zygon realiza live sobre como empresas podem usar dados e gerar valor

Crescentemente, os dados ocupam lugar de destaque na definição das estratégias empresariais. Pessoas com capacidades analíticas têm sido cada vez mais decisivas para a efetividade das ações das organizações. Particularmente, o Data-Driven Marketing é um dos atores principais deste movimento e merece atenção especial. Nesta Live vamos expor, debater e analisar profundas transformações em desenvolvimento: novas estratégias baseadas em informações valiosas, dados que trazem o ser humano para o centro, novas tecnologias, novas metodologias, novas ferramentas, novas abordagens de negócios.

DATA: 17/06/2020, 15h

Rafael Cavalcanti
Superintendente Executivo, Head Data Science para o Mercado
Departamento de Gestão de Dados – Algoritmos e Inovação

André Piotto
Lead Solutions Engineering
Tableau Software Partners LATAM

Moderador
Claudio Cardoso
Consultor Associado da Zygon Digital

INSCREVA-SE: https://zygon.digital/zygon-talks/

Categorias
Marketing Digital tecnologia

Remote Work Like a Pro

Se você é digitalmente conectado com certeza percebeu a importância e o impacto que o digital causa em nossas vidas. Não só com as plataforma sociais, mas também como forma de remuneração.

Porém, é em momentos atípicos como este que se evidenciam os efeitos do mundo digital e de como ele, de forma eficiente, quebra barreiras e nos permite viver remotamente conectados.

Neste momento milhares de pessoas estão trabalhando remotamente de forma eficaz, comprovando que o remote work, quando bem orientado, faz com que os usuários espontaneamente sejam dedicados, engajados, motivados e realizados por produzirem sem a necessidade e exigência da presença física.

Ter consciência da forma como você trabalha e pensa é importante para que o remote work seja aplicado em sua rotina. Pensando nisso, separei 3 pilares importantes para atingir o objetivo de trabalhar de qualquer lugar: Digital first, gestão de tempo e produtividade.

Digial firts

Mantenham-se sempre conectados e atualizados.

Utilize plataformas que facilitam a comunicação da equipe fazendo com que todos tenham a informação necessária na hora que precisarem. São elas o hangout, e-mail google, g suite, pipefy e whatsapp.

Se parar analisar vamos perceber que diariamente nos comunicamos de forma remota e que até a forma de entretenimento pode ser online. A exemplo disso temos o Stopots!! Uma plataforma online onde podemos interagir e jogar ao mesmo tempo. Conseguiu perceber que a nossa conexão já tem uma base forte de  Remote Work?

Para você ficar conectado separei 3 Dicas
  1. Responda sempre os emails, mesmo que não ache necessário.
  2. Se sua conexão cair, avise ao responsável direto. 
  3. Escolha um ou dois pontos de contato para não haver muita dispersão de informação, em remote work isso é muito fácil de acontecer.

Gestão de tempo

Foco no que realmente é importante.

A maneira como administramos nosso tempo determina o que vamos conseguir executar ao final do dia. Ter clareza de quanto tempo se gasta na execução de uma atividade é crucial para uma boa gestão do tempo.

É importante, também, determinar o tempo mínimo para realização das atividades, dessa forma tendemos a ser mais práticos e objetivos.

“O trabalho expande-se para preencher o tempo disponível para sua realização” C.N.Parkinson.

Já observou que quando você tem uma reunião que pode ser resolvida em 10 minutos e você dispõe DE 1h, ela se estende no tempo disponível? Tenha noção do tempo utilizado, programe alarmes e notificações para suas atividades, crie o hábito de ver o calendário, isso ajuda a planejar e gerar o senso de urgência.

Para você não perder tempo separei 3 Dicas
  1. Divida suas tarefas em importantes, urgentes e circunstâncias. E distribua o tempo que vai gastar para resolver cada tarefa.
  2. Tenha em mente um plano semanal de execução.
  3. Não ocupe todo seu tempo de trabalho com tarefas pois imprevistos existem.

Produtividade seja objetivo 

Seja objetivo e tenha clareza de suas tarefas

A produtividade é diretamente proporcional a gestão do tempo, ou seja, à medida que você vai aprimorando o tempo para fazer determinada tarefa a produtividade aumenta. Se já pesquisou em algum momento sobre produtividade, deve ter visto a seguinte frase:

“Pelo princípio de Pareto, 80% dos seus resultados vêm de 20% dos seus esforços.” E o querem nos dizer com isso? Mais foco no resultado.

Que horas? Quantas horas? De onde? Como? Essas perguntas passaram a ser muito menos relevantes quando você entrega resultado.

Para você ficar produtivo separei 3 Dicas
  1. Crie hábitos e realize rotinas para ativar o modo trabalho. 
  2. Fique atento aos gatilhos que te fazem procrastinar. 
  3. Crie seus procedimentos de execução para tarefas que se repetem.